Gestação | Fardo de Ternura
Ansiedade do último mês

Ansiedade do último mês

Quem aqui está no último mês de gestação? 🙋🏾‍♀

Quem está passando ou já passou sabe: o último mês parece que demora mais do que a gravidez inteira…🤰

Quando a gente escolhe esperar o tempo do bebê temos que lidar com a imprevisibilidade e isso, nos dias atuais, é algo que quase nunca acontece. Tudo é sempre muito programado e marcado. Por isso, fizemos uma listinha de sugestões do que você pode fazer nessas últimas semanas de espera.

E se você está fazendo algo aí que está ajudando e não está na lista compartilha com a gente!

 

  • Congele comidas – Depois que o bebê nasce os dias ficam corridos e ter comida congelada pode trazer qualidade e tranquilidade para os dias em que você estiver sozinha com o bebê;
  • Articule sua rede de apoio – Uma coisa que a gente aprende depois dos filhos é pedir ajuda. Uma rede de apoio facilita muito!
  • Saia para jantar, assista um filme – você provavelmente ficará algum tempo sem conseguir comer ao mesmo tempo que seu(ua) companheiro(a), ou assistir um filme inteiro sem interrupções, aproveite esses últimos dias para fazer programas a dois;
  • Escreva uma cartinha para os familiares e amigos contando como está se sentindo com esta espera e o que eles podem fazer para ajudar (e não pressionar! rs) – Um bebê causa sempre muito frisson e no ultimo mês muita gente começa a mandar mensagens e fazer uma leve pressão…a carta pode ajudar muito na ansiedade de todos, principalmente na sua rs
  • Curta seu(ua) filho(a) mais velho(a) – depois que o bebê nascer o tempo de atenção será reduzido e curtir esse finalzinho da exclusividade pode ser bem gostoso;
  • Passe um tempo de qualidade com pessoas queridas – escolha a dedo quem vai estar com você neste momento, dê preferência aquelas de papo leve e divertido, que respeitam suas escolhas, te apoiam e encorajam;
  • Se despeça da barriga – reserve um tempinho todos os dias para conversar com seu bebê, para olhar cada detalhe de seu corpo grávido e se auto-massagear (se a massagem for feita com uma sinergia especial para você , melhor ainda, converse com sua Doula sobre essa possibilidade);
  • Escute seu corpo e os sinais que ele te dá, se tiver sono durma, se tiver energia se movimente;
  • Leia sobre o pós parto e sobre o puerpério (sua Doula pode te dar ótimas sugestões de leitura);
  • Repasse com o(a) seu(ua) acompanhante os itens do plano de parto – ele(a) que vai ser sua voz quando você precisar;
  • Peça a sua Doula um bellymapping – essa pintura na barriga na posição do bebê pode ser uma ótima maneira de se conectar ainda mais, visualizar o bebê e diminuir a ansiedade.

Foto: Mareia Fotografia
Na foto: Carla freitas recebendo um carinho em forma de pintura, no bellymapping feito pela doula Camille Fonteneles.

Sobre o fardo

Fardo de Ternura

Nossa missão é prestar assistência integrada à mulher no processo de gestação, parto e pós parto, sendo suporte em sua busca pela gestação e maternidade respeitosas, com informação, acolhimento e apoio às suas escolha.

“Ih! Estourou a bolsa!”

“Ih! Estourou a bolsa!”

Calma! Não precisa sair correndo para a maternidade! 🏃🏻‍♀️

Na maioria das vezes, não precisa mesmo! Mulheres gestantes de baixo risco/risco habitual podem aguardar o início do trabalho de parto em casa. ✨

Pare, tome um banho bem demorado, 🛁, lave o cabelo 2 vezes com shampoo, condicionador e passe um óleo de banho cheiroso… pode ser que essa seja a última vez que você faça isso pelos próximos 10/15 anos! 🤣

60% das mulheres vai entrar em trabalho de parto dentro de 24 horas após a bolsa estourar.

“E se eu não sentir nada [email protected] horas?”

Aí, a recomendação é que a partir de 24 horas de bolsa rota sem sinais de trabalho de parto, inicie-se a indução para o parto normal.

Por isso é muito importante que você converse com a equipe que te acompanha, ainda no pré-natal, para conhecer a conduta dela e não ser pega de surpresa nesse momento!

Pronto! Não precisa ser operada só por causa disso! 💜⠀

Ah! E tem uma coisa bem importante! Se o líquido estiver clarinho, tudo bem! E se não estiver, tudo bem também! O bebê só vai precisar ser monitorizado mais de pertinho!

Imagem: Repost @gentlebirthofficial

Sobre o fardo

Fardo de Ternura

Nossa missão é prestar assistência integrada à mulher no processo de gestação, parto e pós parto, sendo suporte em sua busca pela gestação e maternidade respeitosas, com informação, acolhimento e apoio às suas escolha.